Clínicas de recuperação em todo Brasil

Clínica de Reabilitação para Alcoólatras

Entenda como funciona uma Clínica de Reabilitação para Alcoólatras e onde encontrar tratamento especializado, Veja nosso guia com as melhores clinicas.

Buscar uma clínica de reabilitação para alcoólatras é uma forma de auxiliar aquelas pessoas que necessitam de tratamento contra o vício em álcool ou em bebidas alcoólicas.

Ao contrário do que muitos possam acreditar, o alcoolismo é algo bastante sério e que exige um tratamento complexo, que deve ser realizado seguindo diferentes métodos.

Entre eles, podem ser citados desde o uso de remédios que ajudam a passar o período de abstinência até o acompanhamento de terapeuta para a psicoterapia.

Para que seja possível garantir um resultado eficaz na luta contra o alcoolismo, as clínicas de reabilitação, com ou sem a internação, é a melhor opção existente.

Um grande problema é que a maior parte das pessoas não sabe como se dá o funcionamento de uma clínica especializada no tratamento para alcoólatras.

Por conta disso, esse artigo tem o intuito de lhe mostrar tudo o que é preciso saber sobre a clínica de reabilitação para alcoólatras.

Se você possui um familiar que está passando por esse tipo de problema, essa pode ser a resposta para resolver, de vez, a situação dele.

Continue acompanhando o artigo até o final para saber tudo a respeito desse tema!

Clínica de reabilitação para alcoólatras: Entenda como elas funcionam!

Clínica de reabilitação para alcoólatras: Entenda como elas funcionam!
Clínica de reabilitação para alcoólatras: Entenda como elas funcionam!

Compreendendo o alcoolismo

O primeiro fator que você precisa entender antes de buscar auxílio em uma clínica de reabilitação para alcoólatras é a respeito do que é o alcoolismo.

Nem sempre uma pessoa que bebe muito é uma alcoólatra, pois esse consumo excessivo de álcool pode ocorrer de forma esporádica, ou seja, apenas algumas vezes ao mês ou ao ano, por exemplo.

Por outro lado, uma pessoa que abusa do consumo de álcool de forma constante é considerada alcoólatra, o que significa que para ter um vício é necessário que exista uma dependência da substância.

A Organização Mundial da Saúde estipula que em torno de 10% da população de todo o mundo sofra com o vício em álcool, o que é um grande problema de saúde pública.

E como perceber que alguém sofre com alcoolismo?

Um alcoólatra é aquela pessoa que para de ter controle sobre o consumo de bebidas alcoólicas, tendo dificuldades para parar após tomar a primeira dose.

Em geral, por não ter nenhum controle sobre si, ela costuma beber até passar mal, mas à medida que o corpo começa a se acostumar, ela passa a ingerir doses cada vez maiores de álcool.

O desejo incontrolável de consumir álcool pelo alcoólatra pode fazer com que ele venha a consumir qualquer líquido que contenha a substância, tudo para suprir a necessidade.

O problema é que esse impulso incontrolável começa a modificar e interferir diretamente em diversos aspectos da vida dele.

Assim, além de ter a própria vida afetada de forma negativa pela bebida, todos aqueles que estão próximos ao alcoólatra começam a sofrer, principalmente a sua família.

Com o tempo, o vício começa a interferir na vida profissional e social, além de afetar diretamente a saúde física e também psicológica do alcoólatra.

É o caso do desenvolvimento de doenças tais como a hepatite, a cirrose e até mesmo deficiências na absorção de nutrientes.

Por outro lado, pessoas com vício em álcool podem vir a sofrer com problemas como ansiedade e transtornos depressivos.

Por isso mesmo é que se torna tão importante buscar pelo auxílio com um tratamento adequado para o alcoólatra, o que pode ser feito de forma voluntária ou não.

Uma das formas de se realizar o tratamento do alcoolismo de maneira eficaz é a partir das clínicas de reabilitação para alcoólatras.

Infelizmente, ainda existe muito preconceito a respeito desses locais, fazendo com que várias pessoas deixem de buscar o tratamento adequado.

A seguir, você irá conhecer mais a respeito da clínica de reabilitação para alcoólatras e como elas funcionam, seja pela internação voluntária, involuntária ou compulsória.

Clínica de reabilitação para alcoólatras: Saiba como funciona!

O funcionamento de uma clínica de reabilitação foca no tratamento multimodal, ou seja, por diversos modos para garantir a recuperação eficaz do alcoólatra.

O tratamento pode ser realizado tanto sem a internação, ou seja, o paciente passa uma parte do dia apenas na clínica, ou ainda pela internação em tempo integral, quando ele vive no local.

A internação em uma clínica de reabilitação para alcoólatras, como já foi dito anteriormente, pode ser tanto de forma voluntária, quanto também involuntária ou ainda compulsória.

O tipo de tratamento é indicado especificamente para cada tipo de caso, o que significa que não há apenas um protocolo único para todos os pacientes.

Tudo irá depender do quadro e da gravidade do paciente alcoólatra, por isso é importante que haja uma triagem completa no momento de entrada do paciente na clínica.

No local, os pacientes são cuidados e supervisionados por profissionais treinados, tanto os da área da saúde (médicos, psicólogos, enfermeiras) como pelos cuidadores.

O objetivo é garantir os cuidados gerais com o paciente, de modo a proporcionar a ele recuperar-se mental e fisicamente de modo completo na clínica.

Entre as opções de tratamento estão os serviços para aconselhamento individual com psicólogo ou psiquiatra, ou ainda os grupos de terapia entre os pacientes e também do paciente com seus familiares.

Internação em clínica de recuperação: Entenda todas as formas!

O indivíduo que sofre com alcoolismo pode ser internado em uma clínica de reabilitação para alcoólatras de três formas distintas.

A primeira é a internação voluntária, quando a ideia de internação parte do indivíduo, que compreende que possui um vício e que necessita de um tratamento específico.

Em geral, ele conta com apoio da família para buscar uma clínica de reabilitação onde possa tratar-se, por isso é importante a precisa dos parentes para garantir que ele não irá desistir do tratamento.

Ao dar entrada na clínica de reabilitação para alcoólatras, o paciente deverá assinar um termo de consentimento de que está de acordo com o tratamento.

Nesse tipo de internação, a alta poderá ser dada tanto pelo médico responsável pelo local, como também pode ser pedida pelo próprio paciente.

A internação involuntária é aquela em que o indivíduo que sofre com alcoolismo não reconhece o problema que possui, o que faz com que seja preciso a intervenção dos familiares.

Isso porque ele não acredita que necessita de ajuda e que pode parar de consumir a bebida alcoólica quando o desejar.

Em geral, esse paciente já recusou diversas ofertas de auxílio por parte dos seus parentes, amigos e até mesmo aconselhamento profissional.

Resta à família requisitar a internação involuntária, junto à uma clínica de reabilitação para alcoólatras, garantindo que a saúde do alcoólatra será preservada, bem como a segurança dos que estão ao redor dele.

A internação involuntária já foi tida como algo desumano, já que é feita sem o consentimento de quem sofre com o vício, mas sim pela sua família.

Como ele não apresenta mais capacidades de tomar decisões nem vê o problema em si próprio, então a intervenção de terceiros torna-se essencial.

Um médico deve fazer o exame do paciente para saber se ele realmente necessita da internação, assim como também no caso da alta apenas o próprio profissional ou o familiar poderão requisitá-la.

Ou seja, o paciente não pode pedir a sua saída do local por conta própria.

A última forma de internação é a compulsória, que é aquela em que a própria justiça determina a internação do alcoólatra, quando ele apresenta um risco para ele mesmo e para a sociedade.

Existem uma lei que permite que a internação seja realizada de forma compulsória, que é a lei 10.216/2001.

Para que o paciente seja aceito na clínica, o juiz deve despachar a ordem apenas após ter em mãos um laudo médico que justifique a internação daquele indivíduo.

A mesma coisa ocorre no momento em que o paciente irá ter alta, sendo preciso que o juiz tenha em mãos um laudo médico escrito pelo médico responsável pela clínica.

Isso determina que não há como o juiz tomar a decisão sem que um profissional da saúde avalie o caso antes da entrada do paciente na clínica nem durante a estadia dele.

A ordem judicial deve partir, portanto, apenas sob análise técnica e profissional de um médico.

Conclusão

Como você viu, para quem possui o vício em álcool uma forma de conseguir livrar-se do problema é através da internação em uma clínica de reabilitação para alcoólatras.

Neste texto, mostramos a você como uma clínica de recuperação desse tipo funciona, de modo que seja possível compreender que a internação ou o tratamento não integral no local é a melhor forma de tratar alguém que sofre com alcoolismo.

Além disso, você ainda pôde compreender quais são as formas de internação de um alcoólatra nessas clínicas, o que pode ser feito por meio voluntário, involuntário ou compulsório.

A Vitta Life pode auxiliar você que está buscando pela recuperação do alcoolismo, garantindo o melhor tratamento possível.

Gostou do artigo de hoje sobre clínica de reabilitação para alcoólatras?

Se você ficou com alguma dúvida sobre esse assunto, escreva-a abaixo nos comentários para que eu possa ajudá-lo.

Veja também: As Melhores Clinicas de Recuperação do Brasil

Fale com nossos especialistas! Atendimento 24 horas.

Saiba o que podemos fazer pelo paciente e por você, ao escolher o tratamento pertinente para quem precisa de ajuda. 

Atendimento via whatsapp para clinica de recuperação Álcool e Drogas

Entre em contato para marcar uma pequena triagem de aproximadamente 5 a 10 minutos com a nossa equipe. Nós do Grupo Vitta Life, trabalhamos com muito amor, dedicação e interesse real em ajudar nossos pacientes a serem tratados, para que após o tratamento,  eles possam ser uma pessoa restaurada e cheia de vontade de realizar seus sonhos e viver novamente.

Participe da discussão

Compare listings

Comparar